SEUS FILHOS APRENDEM AQUI E LEVAM PRA VIDA TODA.

MAPLE BEAR HIGH SCHOOL

O ursinho cresceu. Assim como o logotipo da Maple Bear, cujo ursinho “cresce” ao longo do tempo, as crianças que chegaram às nossas escolas ainda bebês, hoje – mais de uma década depois, já são pré-adolescentes e adolescentes. Reconhecendo os grandes benéficos do ensino canadense, nossos alunos pioneiros decidiram avançar na Maple Bear após a conclusão do Ensino Fundamental. Isso nos inspirou a abraçar um desafio inédito: criar o Ensino Médio na Maple Bear Brasil.

Foram anos de planejamento, preparação do corpo docente, pesquisa, desenvolvimento acadêmico e construção de um programa educacional sólido até que, em 2018, tivemos o privilégio de inaugurar duas turmas de High School: uma na Maple Bear Tatuapé, bairro da capital de São Paulo, e outra a Maple Bear Mogi das Cruzes, cidade a cerca de 60 km da capital paulista. O High School é pioneiro no mundo: nunca antes nenhuma escola havia formado turmas de High School. O Brasil tem as duas primeiras turmas da história.“É um passo ousado, mas estamos entusiasmados com a qualidade e a educação além da escola. E ser ousado significa ser pioneiro e desbravar”, avalia Andréia Aguirre Silva, Diretora Pedagógica da Maple Bear SP Tatuapé. Na Maple Bear Mogi das Cruzes, um terço dos alunos chegaram à escola exclusivamente para cursar o High School. Na Maple Bear SP Tatuapé, esse total chega a cinquenta por cento. A procura de alunos de outras escolas para cursar High School na Maple Bear é algo que nos enche de orgulho e nos dá a certeza de que estamos no caminho certo para oferecer um ensino de qualidade, ao mesmo tempo adequado à realidade brasileira e às exigências do exterior.

O programa Maple Bear cumpre todas as exigências da Lei de Diretrizes e Bases brasileira. Oferece todas as disciplinas exigidas e necessárias para que os alunos possam prestar os melhores vestibulares e ter excelentes desempenhos no Enem. Ao mesmo tempo, incluímos a matriz curricular canadense, dentro da metodologia que diferencia a Maple Bear de outras escolas, tratando o bilinguismo de forma peculiar, sem que a “primeira língua” se sobressaia à “segunda língua”. Na Maple Bear, isso se estende para além do idioma: mostra-se na cultura, no conhecimento de outro país e de outras realidades.

A missão do Ensino Médio Maple Bear é fornecer aos alunos um programa completo, enriquecido com disciplinas do currículo canadense, ministradas em inglês. Os alunos terão um diploma brasileiro e também um certificado oficial emitido pela Província de Manitoba (Canadá) para as disciplinas canadenses concluídas. Esse programa é chamado de Programa de Certificação de Manitoba (veja matéria na página 80). A Maple Bear é o único programa que fornece essa combinação avançada com projetos multidisciplinares. Os alunos que se graduarem com as disciplinas do Ensino Médio canadense terão a mesma oportunidade que alunos canadenses no Canadá e internacionalmente na educação superior.


 HIGH SCHOOL: DESENVOLVIMENTO INTEGRAL

Durante o Ensino Médio, os alunos Maple Bear continuam inseridos em uma realidade escolar que não quer ensinar apenas as disciplinas e o que está nos livros. Nós sabemos que é preciso preparar-se para além da realidade da escola: é preciso estar pronto para os desafios de um mundo hiperconectado, em que profissões vão aparecer e desaparecer e no qual realidades distantes podem se aproximar no mesmo contexto: a sociedade é dinâmica e mutável; por isso, ser “cidadão do mundo” é mais que um chavão, é uma necessidade real de compreender culturas e pessoas; fazer análises e criar conexões entre dados das mais diversas naturezas. Aprender é um processo para toda a vida. Mais do que decorar fórmulas, o aluno Maple Bear é instigado a descobrir como ele mesmo pode buscar conhecimento e aprender; a perceber que aprendizagem é um processo contínuo e que, nesse processo, a autonomia é uma palavra-chave. “A escola entende que deve ajudar o aluno a construir o papel dele de cidadão na sociedade”, afirma Richard Debre, Diretor da Maple Bear Mogi das Cruzes.

O High School é mais uma oportunidade para o desenvolvimento intelectual, social, físico e de carreira de cada aluno. O desenvolvimento do raciocínio crítico para avaliar situações e tomar decisões é uma habilidade tão importante quanto comunicar-se adequadamente ou apreciar manifestações artísticas para relacionar-se com o meio em que vive de maneira produtiva, tendo consciência de seu papel e dos papéis de outros cidadãos, para poder criar relacionamentos duradouros e produtivos. Como não poderia deixar de ser, durante o High School os alunos também serão incentivados a pensar sobre seu futuro profissional e de que forma cada um pode contribuir para a construção do mundo em que deseja viver. Para isso, a Maple Bear conta não apenas com os professores, mas com o comprometimento dos pais e o apoio de toda a comunidade. “O aluno tem que estar formado para o mercado de trabalho. Por isso, oferecemos disciplinas como Liderança, porque eles precisam estar preparados para identificar suas próprias competências e fraquezas, para que possam ingressar na universidade brasileira ou estrangeira; no mercado de trabalho nacional ou internacional. Mais do que aprender, o objetivo é conhecer o futuro”, afirma a Diretora da Maple Bear SP Tatuapé.


VESTIBULAR

Como o sistema de ensino brasileiro privilegia conteúdos específicos para que os alunos possam ser bem-sucedidos em provas como ENEM e vestibulares, o programa de High School da Maple Bear foi pensado também para poder atender a essa demanda. “A escola precisa preparar para qualquer realidade, e isso inclui o vestibular. Nossos alunos estão preparados, conhecendo o conteúdo exigido nas provas brasileiras. Mas não apenas isso.

O High School amplia a possibilidade de aprendizado, vai além de memorizar e incentiva a criar, a ter uma visão analítica. Assim, qualquer que seja a prova, os alunos poderão ter bons resultados”, explica o Diretor da Maple Bear Mogi das Cruzes. A carga horária do High School é de 36 aulas semanais, para que os alunos possam ter todas as disciplinas do currículo brasileiro e também as disciplinas do Programa de Certificação de Manitoba. Essa grade curricular facilita o processo de admissão em universidades do Canadá ou de outros países que utilizem os princípios de admissão canadenses. Isso porque, ao cursar o High School na Maple Bear, os alunos brasileiros podem ser aceitos nessas instituições como aluno estrangeiro, com créditos e reconhecimento de Ensino Médio canadense (se tiverem notas suficientes). Como o aluno que cursa o High School garante créditos em disciplinas de língua inglesa do Ensino Médio o processo de admissão torna-se mais ágil. Laura Marvulle, 14 anos, está no High School e percebe na prática a intenção da Maple Bear no desenvolvimento do ensino. “Não esperava que já no primeiro ano fôssemos focar no vestibular. Estou tendo que me empenhar. Ao mesmo tempo, aulas como as de Liderança são muito importantes, porque fazem pensar em como sermos verdadeiros líderes, como se fazer escutar e ao mesmo tempo escutar opiniões diferente.Entender o que as pessoas têm a dizer é fundamental”, afirma. E assim, com tolerância e respeito, ela e seus colegas de High School crescem e se preparam para as complexidades e desafios que o mundo lhes trouxer.

© 2018 Maple Bear. The best of Canadian education for a global future.

REVISTA
MAPLE BEAR

Edição 10
A nova edição da Revista THE BEAR é dedicada principalmente às estreitas relações que temos com o Canadá e suas instituições.

Baixe agora

Tem uma Maple Bear perto de você: